segunda-feira, maio 17, 2010

A parte apoética de Lord V

Lord V tem olhos enormes que ficam chupando meus olhos quando eu olho de volta. Lord V corta a sala de estar com os dentes à mostra, afiadíssimos.
Os dentes de Lord V combinam com meu pescoço, percebi de cara. Antes mesmo de saber que Lord V tinha me visto - e antes de saber que eu era possível olhar Lord V dentro dos olhos.
Dia desses, eu e Lord V saímos para tomar chá. Quase não falamos, comemos apenas. Talvez ele soubesse, como eu já sabia, que qualquer coisa dita seria fatal.
Eu e Lord V preferimos provocação mútua constante – sem comprovação de qualquer tese.

Um comentário:

LÍVIA COR. disse...

td mundo tem uma parte poetica/bonita rsrsrsrs