quarta-feira, fevereiro 21, 2007

Mariana X

E antes que o mundo real voltasse a existir
Mariana precisou me contar dos dias que passou no seu refúgio lá na Bahia.
Ela disse que dançou até não aguentar de dor nos ossos.
E disse que aquele cara a quem ela olhava de longe a tirou do sério no jogo do sério.
Disse que os beijos todos eram esfomeados e ininterruptos.
Disse que ainda sentia falta.
Disse que não queria o mundo real.
Mariana sorria e não se sentia confusa.
De galho em galho, aquele era especial e efêmero.
Um galho de carnaval.
Lolita da cidade foi pr'aqueles cantos.
Mariana não fez nada, mas na despedida foi uma hora sem parar.
e ela não queria se despedir.
Mariana agora sente falta e sorri.
Problema vai ser voltar pro mundo real.





*Nota- Exitem dois textos não publicados que falam sobre Mariana. A situação óbvia se esclarece, mas não é hora de publicar.

7 comentários:

Juliana Marchioretto disse...

ah, esse mundo real é um saco mesmoo!!

beijo

bia de barros disse...

quem disse que a vida real é mais importante?
ngm ousaria...
a menos que não soubesse: ambas têm valor igual.
mas é segredo, viu, mari?
;***

Danny - Menina da Meia Noite disse...

Passando...
e comtemplando suas obras!
por falar nelas creio que estao bem né? obrigada!
Bom, estao otimas...
potencial puro i vc sabe usa-lo.:)
BJO

Diogo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Diogo disse...

tb acho q o mundo real as vezes enche!!
fala serio.

bjs!

somebody disse...

酒店經紀人,

菲梵酒店經紀,

酒店經紀,

禮服酒店上班,

酒店小姐,

便服酒店經紀,

酒店打工,

酒店寒假打工,

專業酒店經紀,

合法酒店經紀,

酒店暑假打工,

酒店兼職,

便服酒店工作,

酒店打工經紀,

制服酒店經紀,

專業酒店經紀,

合法酒店經紀,

酒店暑假打工,

酒店兼職,

便服酒店工作,

酒店打工,

制服酒店經紀,

Matéria Escura disse...

tô gostando como você tá construindo a mariana. gosto tambem dessa narrativa que tá me parecendo meio uma diario mas com alguma experimentações poéticas.
Tá legal ler esse folhetim.