terça-feira, maio 06, 2008

Um selo que é um abraço.


O sexto é o Gota D'água.Vejam, eu
também leio o Gota d'Água. Não com a frequência com que leio os outros cinco,
mas este, coisa que já é extremamente conhecida, também é altamente
recomendável. Aline escreve naturalmente: é um fato decorrente de ela mesma,
como as gotas de sereno se juntam numa folha até pingarem, de manhã. E toda
escrita fluente como essa é coisa que não se deve perder, mesmo que, o que não é
o caso, não se goste do que está escrito. Só a fluidez já é suficiente para
deixar os neurônios descansados. Ela não faz a mínima idéia da existência deste
meu blogue, e peço a Darshany que lhe avise do selo, por favor. Não que vá fazer
muita diferença, uma vez que o Gota d'Água já deve ter uns cinco
deste.



Harry, no seu blog modernista






Pois é, eu não sabia mesmo que o blog dele existia, infelizmente. E eu realmente já tinha esse selo e é engraçado, que no mesmo dia a Bia me deu esse selo de cima. E bem, eu não esperava um outro selo, dois outros selos, assim.

Eu achei tão bonito isso, moderno e universal e não-totalizante. Achei tão com gosto de abraço.

Eu precisava dizer obrigada. à Bia e ao Harry.

Obrigada.